Defensoria Pública consegue bloqueio de dinheiro depositado por vítima de golpe por telefone

Defensoria Pública consegue bloqueio de dinheiro depositado por vítima de golpe por telefone

20/10/2020 Notícias 0

O juiz Ricardo Machado de Andrade, da 2ª Vara Cível da Comarca de Criciúma, deferiu a tutela de urgência requerida pelo defensor público Fernando Morsch, da 7ª Defensoria Pública local, determinando o bloqueio de R$ 2.700,00 depositados numa conta de poupança da Caixa Econômica Federal na agência localizada no município de Petrolina de Goiás por uma mulher, residente em Treviso, no Sul do Estado, vítima de um golpe dado por telefone.

No dia 11 de setembro passado, por volta das 11h, a assistida recebeu uma ligação telefônica de um homem se passando por seu irmão, pedindo que ela efetuasse um depósito bancário no valor de R$ 1.500,00 na referida conta pois precisava do dinheiro para pagar o mecânico do guincho de seu carro. Imediatamente, ela pediu para a filha ir até a lotérica realizar o depósito.

Alguns minutos depois, percebendo seu êxito no golpe, o mesmo indivíduo solicitou novo depósito, desta vez no valor de R$ 1.200,00, explicando que precisaria substituir uma peça quebrada do seu automóvel. Após a efetivação desse segundo depóstico, dono da lotérica estranhou o fato e informou que poderia se tratar de um golpe, como de fato aconteceu.