Defensoria Pública de Joinville exerce o poder de requisição e resolve extrajudicialmente caso envolvendo questão de saúde

Defensoria Pública de Joinville exerce o poder de requisição e resolve extrajudicialmente caso envolvendo questão de saúde

08/11/2021 Notícias 0

Em uma ação extrajudicial, na qual foi exercido o poder de requisição da instituição, a 1ª Defensoria Pública de Joinville conseguiu que um paciente de insuficiência renal crônica, que necessita de hemodiálise três vezes por semana, realizasse a consulta cardiológica necessária para a avaliação clínica sobre a possibilidade de ser submetido a um transplante de rim.

Desde o mês de agosto, o paciente buscava uma consulta com um cardiologista no Hospital Hans Dieter Schmidt. Diante da urgência do caso, no dia 20 de outubro, o defensor público Djoni Luiz Gilgen Benedete requisitou informações à Secretaria Municipal de Saúde quanto à fila de espera para a consulta. No dia 4 de novembro, veio a resposta de que a consulta já havia sido agendada e, no dia 5, a mãe do paciente informou que ela já havia sido realizada.

“O caso reforça a importância da prerrogativa de requisição da Defensoria Pública, pois, graças a ela, pudemos obter da Secretaria Municipal de Saúde informações a respeito da situação do paciente e evitamos uma ação judicial desnecessária, contribuindo até mesmo para a redução da judicialização da saúde pública”, afirmou o defensor Djoni Benedete.