Defensoria Pública participa de inspeção do Mecanismo Nacional de Prevenção e Combate à Tortura em duas unidades prisionais de SC

Defensoria Pública participa de inspeção do Mecanismo Nacional de Prevenção e Combate à Tortura em duas unidades prisionais de SC

04/02/2021 Notícias 0

No início desta semana, segunda e terça-feira, dias 1º e 2 de fevereiro, a defensora pública Júlia Gimenes Pedrollo participou, como representante da Defensoria Pública do Estado de Santa Catarina, da inspeção realizada pelo Mecanismo Nacional de Prevenção e Combate à Tortura (MNPCT) em duas unidades prisionais catarinenses, a Penitenciária de Florianópolis e o Presídio Feminino de Itajaí.

A inspeção visou especificamente às alas LGBT+ das duas unidades prisionais. Participaram da ação as peritas Bárbara Suelen Coloniese, coordenadora-geral do MNPCT, e Tarsila Flores, além do representante do Ministério Público de Santa Catarina, o promotor de justiça Jádel da Silva Júnior, coordenador do Centro de Apoio Operacional Criminal e da Segurança, e integrantes de organizações da sociedade civil.. 

Além das entrevistas com presos e presas LGBT+, durante a inspeção foram colhidas informações também com as direções e os policiais penais das duas unidades prisionais. O relatório da inspeção realizada em Santa Catarina fará parte de um diagnóstico nacional sobre a situação de presos e presas LGBT+ em 12 estados, que deverá ser lançado no dia 28 de junho deste ano, Dia Internacional do Orgulho LGBTI.