Em Reunião do Comitê Interinstitucional de Acompanhamento da Covid-19 Judiciário afasta possibilidade de antecipar trabalho presencial

Em Reunião do Comitê Interinstitucional de Acompanhamento da Covid-19 Judiciário afasta possibilidade de antecipar trabalho presencial

14/08/2020 Notícias 0

O Defensor Público-Geral, João Jofilly Coutinho, e o corregedor-geral em exercício da Defensoria Pública do Estado de Santa Catarina (DPE-SC), Daniel Deggau, participaram, nesta quarta-feira (12) de mais uma Reunião do Comitê Interinstitucional de Acompanhamento da Covid-19. Semanalmente, representantes de instituições que compõe o sistema Judiciário de Santa Catarina avaliam a situação sanitária e o retorno gradual das atividades.

Na DPE-SC, o atendimento à população está sendo realizado de forma preferencialmente remota. No Poder Judiciário de Santa Catarina (PJSC), o presidente do Poder Judiciário de Santa Catarina (PJSC), desembargador Ricardo Roesler Ricardo Roesler, adiantou, nesta quarta, que a antecipação da retomada gradual das atividades presenciais não será realizada. A eventual antecipação das atividades presenciais estava prevista em resolução, mas foi afastada com base nos indicadores de contaminação, ocupação de leitos e óbitos decorrentes do novo coronavírus.

“Os índices não são nada animadores. Pelo contrário. Esta situação nos faz muito cautelosos nesse momento em não autorizar uma retomada antecipada”, anunciou Roesler. Assim, o quadro em relação ao avanço da pandemia no Estado será reavaliado no próximo dia 24 de agosto, a partir de uma análise criteriosa dos dados disponíveis. 


Bianca BackesAssessora de imprensa
DEFENSORIA PÚBLICA DO ESTADO DE SANTA CATARINA

(48) 3665-6725 / (48) 98414-8268
Avenida Othon Gama D’Eça nº 622 – CEP 88015-240 – Florianópolis – SC